animação

“Dragão de Fogo” circula pelo interior de São Paulo

 

 

Em abril, o espetáculo O DRAGÃO DE FOGO cumpre 08 sessõescom ingressos no chapéu pelo edital de Produção de Espetáculo Inédito de Artes Cênicas, concedido pelo Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo (ProAC).

 
O primeiro espetáculo para o público infantil idealizado pela SIM! Cultura realiza duas sessões no Fábrica das Artes (Americana), quatro sessões no Barracão Teatro (Campinas-Barão Geraldo) e duas sessões no Teatro José de Castro Mendes (Campinas-Centro).

Tomem nota!

 

TEMPORADA DE “O DRAGÃO DE FOGO” PELO ProAC

FÁBRICA DAS ARTES – AMERICANA
Rua Dr. Cícero Jones, 146 – Vila Rehder, Americana – SP
04/04 – terça às 20h30
05/04 – quarta às 14h

Informações: (19) 3645-1990
Ingressos no chapéu

BARRACÃO TEATRO – CAMPINAS (BARÃO GERALDO)
R. Eduardo Modesto, 128 – Vila Santa Izabel, Campinas – SP
06 e 07/04 – quinta e sexta às 19h
08 e 09/04 – sábado e domingo às 16h

Informações: 3289-4275
Ingressos no chapéu

TEATRO MUNICIPAL JOSÉ DE CASTRO MENDES – CAMPINAS (CENTRO)
Rua Conselheiro Gomide, 62 – Vila Industrial, Campinas –SP
27/04 – quinta às 20h30
28/04 – sexta às 14h

Telefone: (19) 3272-9359
Ingressos gratuitos

 

Sinopse
Shun Li, um menino desenhista, enfrenta o Dragão que, desperto de seu sono de séculos, ameaça destruir o seu povoado. Ou: um garoto é sorteado entre todas as pessoas da sua aldeia para enfrentar uma terrível ameaça, preservando-se, assim, uma tradição: todos a qualquer momento têm que estar prontos. Isso é tudo.
Mas não é só. Ou não é solitário: haverá ainda seus pais, o primeiro amor, a esperança de aldeães, alguém encontrado furtivamente na morada do perigo. Haverá sempre a possibilidade do desenho e aquilo que ele pode revelar: a coisa mais forte do mundo!

 

Ficha Técnica
Dramaturgia: Cássio Pires
Encenação e iluminação: Marcelo Lazzaratto
Atuação: Eduardo Okamoto, Esio Magalhães, Luciana Mizutani
Preparação em Kung-fu e desenho de movimento: Luciana Mizutani
Música original: Marcelo Onofri
Músicos: Henrique Cantalogo (flautas, percussão marimba), Eduardo Guimarães (sanfona e percussão) e Marcelo Onofri (piano)
Captação, mixagem e masterização: Mario Porto
Cenografia: Alan Chu e Cristina Sverzuti
Figurinos: Fause Haten
Assistente de figurinos: Anna Paula Abe
Adereços: Silvana Marcondes
Fotografia: Fernando Stankuns
Programação visual: Estúdio Claraboia
Registro em vídeo: Jonathas Beck | Artma Filmes
Assessoria de imprensa: Tiago Gonçalves
Produção executiva: Mariella Siqueira
Direção de produção: Daniele Sampaio | SIM! Cultura

Envie um comentario